Ícone do site Blog Dimona

 Tipos de estampa: a melhor técnica para cada objetivo

Há muitas técnicas de estamparia para cada objetivo e tipos de estampa. Algumas são mais simples, outras mais elaboradas. Existem aquelas que são ótimas para pedidos grandes e outras para pedidos menores. Além disso, há técnicas para estampas com artes muito coloridas, com várias tonalidades, e há aquelas para artes com cores mais sólidas.

Independente de qual seja o seu objetivo, existe uma técnica perfeita para que a sua personalização saia do jeito que você quer. Para isso, é preciso conhecer um pouco mais sobre o universo da personalização de camisetas e entender mais sobre os tipos de estampa que você pode encontrar.

E a gente te explica abaixo sobre esse mundo. Confira!

Os tipos de estampaS e suas técnicas

Silk Screen

O Silk Screen é uma técnica clássica que nunca sai de moda, mesmo com os avanços tecnológicos. Também conhecido como serigrafia ou impressão de tela, é um tipo de estampa em que a impressão é feita com tintas que penetram em uma tela, por meio de um puxador, estampando o tecido.

Funciona assim: para cada cor presente, é gerada uma tela matriz, que é revelada através de equipamentos especializados. A tinta é colocada sobre a tela que molda a passagem da tinta para a camisa por meio da pressão de um rodo puxador,. Assim, cor a cor a estampa vai sendo feita até ganhar sua forma final e a secagem é realizada através de berços térmicos, o que torna o processo mais ágil.

A Serigrafia é uma das técnicas mais resistentes da estamparia. Ela possui baixo custo em equipamentos, fácil de manusear, funciona muito bem em tecidos escuros e as telas podem ser reaproveitadas. Mas é importante frisar que não é um método muito indicado para impressões com muitas cores, por necessitar de uma tela para cada cor. É mais adequado apenas para pedidos em grandes quantidades, para compensar os gastos com telas.

É uma técnica perfeita para estampar pedidos acima de trinta peças. Além disso, estampas feitas em Silk Screen possuem alta qualidade, preço baixo e durabilidade. 

Silk Screen Carrossel

Com o avanço da tecnologia, o Silk Screen manual que falamos acima ganhou uma versão automatizada: o Silk Carrossel. Ao invés do processo de passar a tinta ser manual, ela é feita por uma máquina. Por ser feita assim, essa técnica alcança ainda mais precisão. 

Sua utilização é indicada para encomendas de, no mínimo, 200 peças por estampa e, assim como o Silk Screen, é necessária a revelação de telas (uma para cada cor).

Silk Digital

O Silk Digital (DTG) foi criado como uma grande revolução no mundo da estamparia. É um tipo de estampa feito direto no tecido sem telas. Após a impressão a camiseta passa por uma polimerizadeira, grande túnel de alta temperatura, para fixar a estampa. Nessa tecnologia a impressão é feita com fixador, base branca e os toners nas cores CMYK. 

Para estampar com essa tecnologia, não há limite de cores e nem quantidades mínimas. E pelo fato da arte ser estampada diretamente no tecido, é possível personalizar camisetas em minutos, sem precisar revelar telas. Além disso, você também possui mais liberdade para criar estampas com muitas cores ou tonalidades diferentes, o que é um imenso diferencial do Silk Digital. Isso tudo em alta resolução e toque agradável.

Silk Digital HD

Com uma tecnologia ainda melhor que a Silk Digital, a Silk Digital HD resolve alguns problemas encontrados em sua antecessora, como o cheiro do fixador e algumas tonalidades de vermelho que podem ficar diferentes do ideal.

Quando o assunto é tinta, além do branco+CMYK, foram desenvolvidas duas cores auxiliares que possibilitam a criação de mais de 64 milhões de cores para impressão. O Silk Digital HD também permite a definição exata da tonalidade através do número pantone de cada estampa. As tintas usadas são biodegradáveis e todo o processo é realizado sem água e com emissão zero de CO2.

É uma técnica perfeita para quem busca estampas com resolução incrível e sem pedido mínimo. 

Bordado

O bordado é uma técnica milenar que se encontra praticamente em todas as culturas do mundo. E, entra ano e sai ano, ele sempre está presente na moda….Embora existam variações, a técnica basicamente tem o mesmo princípio, que é usar uma agulha e uma linha para criar a estampa no tecido.

É um dos tipos de estampa muito usados para personalizar camisetas, bonés e aventais. Este processo requer a produção de um Programa Matriz que é elaborado a partir de sua arte. Através do simulador, é possível fazer um orçamento sob medida, de acordo com o número de pontos da arte. Além disso, a máquina borda fio a fio e não requer quantidade mínima.

Sublimação

A Sublimação é um processo de estamparia onde a transferência da estampa ocorre através de calor. Esse processo, muito utilizado em abadás e camisetas de esportes, requer, obrigatoriamente, que haja poliéster na composição da camisa, como por exemplo a nossa linha sublimática ou dry fit.

Funciona assim: a arte da estampa é impressa em um papel especial e, quando submetida a elevadas temperaturas, a tinta sublimática passa do estado sólido para o gasoso, marcando o tecido que está abaixo. Essa marcação, na verdade, é o que dá forma a estampa. Só é possível usar essa técnica em tecidos claros.

É possível ser feito sem pedido mínimo para o mesmo dia, mas podendo variar de acordo com a quantidade e avaliação da estampa. 

Sublimação Total

Segue a mesma lógica da Sublimação que explicamos acima, porém é feita na camiseta inteira. Essa é uma técnica que permite maior fidelidade na arte, além de trabalhar sem limite de cores. A estampa é transferida para o tecido antes mesmo da realização da costura e consegue atingir exatamente a cor desejada. 

Para a sublimação total, normalmente, o pedido mínimo é de 30 peças, com prazo de entrega de 15 dias – podendo variar de acordo com a quantidade e avaliação da estampa.

Plotter

Outro tipo de estampa muito utilizada em camisetas esportivas é feita com a técnica Plotter. É um processo para colocação de números e nomes nas camisetas de atletas. Não há impressão, a própria mídia é recortada e forma a arte da estampa. Uma lâmina recorta a folha de plotter de acordo com o formato da estampa desenhada, a qual será aplicada pela prensa térmica, resultando em uma estampa exatamente igual a cor da folha de Plotter escolhida.

Com grande variedade de cores de vinis e cores neon garantem resultados estéticos excepcionais. 

Usado em camisetas de algodão, possui prazo para o mesmo dia, dependendo da quantidade e da avaliação da estampa.

Transfer

Um tipo de estampa que também usa prensa térmica é com a técnica Transfer. É muito utilizada para personalizações rápidas e sem quantidade mínima. Além disso, é indicado para camisetas de cunho promocional. 

Funciona assim: a camisa é submetida à prensa térmica junto com a folha de Transfer e devido ao calor, a imagem é transferida para o tecido.

Só é possível usar essa técnica em camisetas brancas e  de algodão. Não há pedido mínimo, podendo fazer no mesmo dia dependendo da quantidade e da avaliação da estampa.

Roland e Wow

Assim como o Transfer, consiste em aderir a estampa ao tecido com o auxílio de uma prensa térmica. A diferença é que essa técnica permite que a estampa seja feita em peças coloridas de algodão. O Wow tem o diferencial de não marcar o fundo com moldura, enquanto o Dark Roland precisa ter um fundo.

tipos de estampa: como escolher o ideal para você

Há duas questões para se pensar: qual o objetivo da camiseta e qual a quantidade. Por exemplo, se você deseja fazer camisetas para um uniforme da sua empresa, primeiro precisa pensar no setor que será usado. Para áreas em que funcionários estão mais na rua e o local é quente, é importante escolher camisas que são mais frescas e eliminam o suor mais facilmente. Assim, camisetas de poliéster ou dry fit são ideias. Portanto, técnicas como sublimação ou sublimação total são ideias.

Por outro lado, se o setor que você pretende fazer os uniformes é dentro de um escritório com ar condicionado, camisetas de algodão ou polo podem te ajudar. Assim, você poderá estampar usando outras técnicas como Silk Screen, Silk Digital ou até mesmo bordado (na camisa polo), por exemplo, tudo vai depender do tipo de arte.

Personalize agora na Dimona

Na Dimona, você encontra vários tipos de estampa e todas as técnicas acima, além de diversas opções de cores e tecidos de qualidade..

No Studio 3D da Dimona, você consegue visualizar o resultado final do seu produto personalizado. Basta escolher o produto, fazer o upload da imagem, visualizar o produto em 3D e conferir se a personalização ficou como você imaginava!

Confira o passo a passo:

  1. Acesse o Studio 3D clicando aqui;
  2. Escolha o tipo de camisa que quer personalizar;:
  3. Selecione o tamanho e cor e clique em PERSONALIZAR;
  4. Com o Studio aberto, faça o upload da sua imagem e confira como ela ficará no produto.

É importante alertar que camisetas compradas pelo site são feitas pela técnica de Silk Digital. Portanto, caso você queira fazer outros tipos de estampa ou em grandes quantidades, entre em contato com a nossa Central de Vendas para fazer uma avaliação e tirar outras dúvidas.

ATENÇÃO! 

A resolução da sua imagem é crucial para que o resultado da impressão tenha a melhor definição. Confira sempre a qualidade da sua arte e busque arquivos em alta definição, com 300 dpi’s.

Sair da versão mobile