Artsy Mask: Escola Eleva utiliza a venda de máscaras para arrecadar recursos para educação de estudantes de baixa renda.

Projeto Artsy Mask faz venda de máscaras desenhadas por alunos para financiar programa de bolsas.

A Escola Eleva, está arrecadando recursos para financiar a educação de estudantes de baixa renda. O projeto Artsy Mask, realizado em parceria com a Dimona, está disponibilizando a venda de máscaras de proteção personalizadas pelos alunos das unidades da instituição na Barra da Tijuca e Botafogo.

Com coordenação do departamento de Visual Arts da Escola Eleva, os alunos desenvolveram mais de 700 modelos diferentes, inspirados em grandes artistas, como Rosana Paulino, Maxwell Alexandre, Frida Kahlo, Pablo Picasso e Jackson Pollock.

Estão disponíveis dois tipos de kits: um com 5 máscaras, por R$ 60,00 e o outro com 10, por R$ 110. A venda está sendo feita através do site: artsymask.escolaeleva.com.br/ e a operação está sendo feita através da Dimona.

Os recursos arrecadados serão aplicados no custeio de bolsas de estudo, material didático, uniforme, lanche e outros investimentos envolvidos na integração dos alunos bolsistas do Instituto Janelas Abertas, instituição parceira da Escola Eleva.

Quem comprar os produtos pelo site também poderá doar máscaras para jovens da rede pública de ensino. A cada cinco compras de máscaras destinadas à doação, a Dimona doará mais cinco para a Escola Municipal Frederico Trotta na Barra da Tijuca (instituição parceria da Escola Eleva e Instituto Janelas Abertas), duplicando assim a quantidade entregue.

“A pandemia nos mostrou a importância da construção de “pontes” entre pessoas, empresas, instituições e marcas. Cada qual oferecendo as ferramentas que tem disponíveis em prol de ações colaborativas. A Dimona tem como propósito ser uma  ferramenta de personalização com as melhores soluções, transformando ideias em produtos. Hoje nosso olhar está voltado para a venda online sob demanda. Esse conceito nos permite disponibilizar para venda as centenas de criações dos alunos, e colocar em produção somente aquelas que forem de fato compradas. O projeto Artsy Masks é inovador e contribui para a reflexão de crianças e jovens que transformam a arte em proteção (e vice versa!) e ainda fazem da criatividade uma ação social”, explica Leonardo Zonenschein, Diretor Comercial da Dimona.

O projeto artístico, é um reflexo dos pilares pedagógicos defendidos pela Escola Eleva e sua idealização surgiu a partir do esforço da equipe pedagógica em suavizar a adaptação ao retorno das aulas presenciais. Para conhecermos mais sobre o Artsy Masks e os objetivos por trás dele, realizamos uma entrevista com a escola Eleva, onde contamos com o apoio de Michelle Kauffmann, Líder de Artes Visuais da Escola Eleva Botafogo, Clara Leitão e Ana Luiza Amoêdo Gayoso, da Comunicação e Julia Rodrigues, do Janelas Abertas, nas respostas. Confira:

1 – Como surgiu a ideia de desenvolver um projeto schoolwide de customização de máscaras de proteção? E quais são os principais objetivos do projeto?

R. Todos os nossos projetos estão relacionados aos nossos pilares e valores. O Projeto Artsy Mask está diretamente relacionado aos nossos pilares da seguinte forma:

  • Excelência Acadêmica: ensino de artes e práticas artísticas, realização do projeto, manifestação da nossa proposta pedagógica com a produção de máscaras.
  • Cidadania Global: como oferecemos algo para o mundo que contribui para a nossa sociedade, como impactamos positivamente a comunidade em que estamos inseridos e 100% dos recursos que são doados para a nossa associação de bolsas, Instituto Janelas Abertas.

Na Escola, sempre buscamos pensar em uma visão circular, de que os projetos desenvolvidos pela equipe e alunos podem sempre retribuir e agregar valor à nossa comunidade escolar. Nesse caso, a própria comunidade mobiliza recursos que são destinados a financiar bolsas de estudo para alunos através do Instituto Janelas Abertas.
Inteligência de Vida – como você reconhece suas emoções e traduz isso artisticamente?

O projeto surgiu em reflexões do grupo acadêmico de Back to School: além de trabalhar a logística (saúde e segurança) e o socioemocional, como situamos os alunos nesse retorno. Principais indagações: como o pedagógico contribuiu para esse retorno? Como costuramos o acolhimento dos alunos nesse retorno à escola, ao mesmo tempo em que trabalhamos nossa proposta pedagógica? Como usamos a linguagem das artes para dar sentido a esse momento?

2 – Como funciona a dinâmica do projeto?

R. Em cada segmento, foram desenvolvidas proposições artísticas que fizessem sentido para cada faixa etária. Alinhamos inspirações artísticas, reflexões acerca de da importância da máscara de proteção com técnicas artísticas adequadas pra cada idade e possíveis de serem feitas em casa.

3 – Qual é o conceito por trás do título da campanha “Quem é você por trás dessa máscara?

R. A ideia foi indagar os alunos a refletirem sobre identidade, comunicação, comunidade. Como sua máscara pode te representar artisticamente?

4 – O departamento de Visual Arts, desenvolveu o projeto de customização de máscaras em parceria com o Janelas Abertas, que também é uma iniciativa da Escola Eleva. O que é o Janelas Abertas e como esse projeto irá impactá-lo?

R. O Instituto de Bolsas Janelas Abertas é uma associação sem fins lucrativos que, em parceria com a Escola Eleva, oferece bolsas de estudos a jovens de baixa renda na instituição. É uma iniciativa que nasceu em 2017, junto da Escola Eleva, e se formalizou como Organização sem Fins Lucrativos a partir de 2018.

Hoje, já somam quase 100 jovens impactados e atualmente são 82 alunos excepcionais são beneficiados entre as unidades de Botafogo e Barra da Escola Eleva, algumas famílias moradoras de comunidades no Rio de Janeiro como Rocinha, Vidigal, Maré e Cidade de Deus. Sempre que pensamos em projetos na nossa Escola, pensamos em como contribuir para o Instituto Janelas Abertas.

Além da doação para o Instituto, abrimos a possibilidade dos compradores das máscaras doarem também um kit de máscaras lisas para uma escola municipal parceira do Instituto (Escola Frederico Trotta).

Hoje, todo mundo que compra no site é convidado a fazer uma doação de máscaras, e, neste caso, a Dimona está dobrando a doação. A cada 5 máscaras doadas, a Dimona doa mais 5 para os alunos dessa escola municipal. Assim, tentamos contribuir um pouco para ajudar outras escolas que não estejam tão habilitadas a voltarem às aulas. Tentar contribuir um pouco para equipar outras escolas.

5 – Como surgiram os nomes dos artistas que serviram de inspiração para cada turma? Você pode comentar sobre a escolha de cada um deles e como funcionou esse acompanhamento do processo criativo?

R. A construção das unidades foi feita pelas próprias professoras. Tivemos momentos coletivos de reflexão sobre esse projeto e cada professora pesquisou as as referências artísticas, alinhou com questionamentos da nossa situação contemporânea e costurou técnicas artísticas de acordo com cada faixa etária.

Alunos do Infantil se inspiraram em artistas abstratos como Jackson Pollock e Piet Mondrian para criar desenhos usando linhas, formas e cores.

No Fundamental 1, os alunos aprenderam sobre padrões a partir da azulejaria portuguesa e tecidos angolanos e também olharam para autorretratos de Frida Kahlo, Anita Malfatti e Pablo Picasso e criaram desenhos para máscaras a partir de como eles gostariam de ser vistos por outros.

No Fundamental 2, os alunos de Digital Arts observaram padrões existentes em suas casas e exploraram artistas como o fotógrafo Gursky, que elaboram imagens com repetições. Para criar a estampa de suas máscaras, os alunos usaram técnicas de fotografia para criar padrões a partir da observação de objetos de valor emocional.

Já os alunos de Visual Arts exploraram as conexões entre texturas e memória afetiva a partir do trabalho de Maxwell Alexandre. Também observaram o trabalho da Rosana Paulino e Grada Kilomba e refletiram sobre a importância de artistas negros na história da arte. Os alunos desenvolveram desenhos sob a perspectiva da criação de memória e de tradições em contextos extremos.

No Ensino Médio, os alunos exploraram Arte Conceitual e o poder dos símbolos na arte. Levando em conta que as máscaras escondem quase todo nosso rosto, os alunos refletiram sobre como elas poderão virar parte fundamental de nosso corpo e portanto parte de nossa identidade.

6 – Durante a quarentena, diversas pessoas passaram a praticar mais o lado artístico. Qual é a sua opinião sobre a importância da arte nesse período? E como você acha que a arte pode ajudar na compreensão dos alunos nesse momento de pandemia?

R. A arte é fundamental ao ser humano. Ela se apresenta em múltiplas formas e linguagens e propõe perguntas e reflexões que dialogam com nossa habilidade de ser sensível e ser sensibilizado.

Nesse momento pandêmico, a música dos Titãs faz ainda mais sentido: “a gente não quer só comida, a gente quer comida diversão e arte.”

Percebemos que em nossa vida pré-pandemia, onde nos concentrávamos em ser mais produtivos, tínhamos mais dificuldade de acessar nosso lado artístico. Já nesse momento de crise, em que nos preocupamos com empregos, saúde, familiares, é também um momento em que “gastamos tempo” com a arte. Isso mostra o quão fundamental é a arte!

Compreendemos que a arte nos ajuda a interpretar e dar sentido o mundo de uma forma sensível e metafórica. Através de histórias, símbolos, e música geramos memórias emocionais, ricas e complexas. Em outras palavras, a arte é pessoal e coletiva ao mesmo tempo e é o que nos torna humanos.

7 – Qual é o papel da Dimona nesse contexto do Artsy Mask? Como a marca está contribuindo?

R. A Dimona entra como uma parceira que complementa e operacionaliza a produção dos alunos. É uma empresa com pensamento em projetos sociais e com expertise para fazer o projeto rodar nos nossos padrões. A questão da produção sob demanda, que evita desperdícios é um ponto importante.

Para nós é uma honra poder contribuir com projetos como esse, disponibilizando as nossas ferramentas para torná-los viáveis.

Para ajudar o projeto e/ou saber mais sobre o Artsy Mask, acesse o site: artsymask.escolaeleva.com.br/

E se quiser estampar o seu projeto, entre em contato com a gente: www.dimona.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s