Um bate papo sobre o momento atual e sobre os grandes eventos que marcaram a história da Dimona.

No dia 10/06, os sócios da Dimona, Eduardo Blumberg e Léo Zonenschein, realizaram uma live no Instagram falando sobre o momento atual e sobre eventos importantes para a história da empresa. A Dimona é uma empresa familiar com mais de 50 anos de história e foi muito bom poder recordar alguns desses momentos marcantes.

A live na íntegra pode ser assistida no Instagram do Pólo Saara (clique aqui para assistir). Mas separamos aqui alguns dos principais temas abordados por lá, como o crescimento da Dimona, a adaptação da fábrica para a confecção de máscaras, e os grandes eventos que marcaram a história. Então, vamos lá.

a Dimona é uma empresa familiar, mas como é trabalhar em família?

A Dimona já conta com a terceira geração trabalhando junto e cada um agregando com seu conhecimento e suas características. Segundo Leonardo, ser uma empresa familiar faz com que exista muita força, amor e união no trabalho, pois as decisões impactam a todos.

Um outro fator positivo dessa proximidade é que as tomadas de decisão também conseguem ser feitas de forma mais rápida. Esse foi um dos fatores principais para o crescimento e desenvolvimento da empresa, desde a expansão do número de lojas até a decisão de montar uma fábrica do zero.

Como foi a montagem da fábrica da Dimona?

Segundo Léo, as pessoas costumavam dizer que era loucura costurar no Rio de Janeiro. Agindo de forma contrária a esse pensamento, a Dimona investiu em adquirir maquinários de última geração e em realizar treinamentos do zero para formar uma equipe toda no Rio de Janeiro, onde hoje a produção funciona a todo vapor.

Como foi transformar uma fábrica de camisetas em uma fábrica de máscaras?

A Dimona possui muitos colaboradores, e conseguir manter os empregos e salários, foi uma das principais preocupações da empresa durante esse período. A adaptação para a venda de máscaras foi decisiva para que todos os cargos pudessem ser mantidos.

O início da pandemia foi um choque pra todas as empresas, e a tomada de decisão rápida foi muito importante para que essa transformação alcançasse um resultado positivo.

“Em menos de uma semana transformamos nossa fábrica de camisetas em uma fábrica de máscaras. Com 6 dias já estávamos com as máscaras no mercado e fomos adaptando, melhorando o produto na medida em que fomos caminhando com a produção.” explica Léo.

Além da venda de máscaras, durante a pandemia a Dimona também iniciou um projeto social muito bonito. Como funciona?

O expressivo desenho de um vírus em forma de planeta foi um sopro de esperança durante esse difícil momento. E tudo ocorreu de forma inesperada. Léo nos contou que recebeu uma ligação de Toddor (que até então não o conhecia) , falando sobre a arte da Manu, uma criança de 11 anos, que havia criado um vírus do bem.

Toddor explicou que junto com Ellen (mãe da Manu), estava querendo transformar esse desenho em uma bandeira para a captação de alimentos pra pessoas em vulnerabilidade, e na mesma hora, Léo comprou a ideia.

“Durante esse período de pandemia ficamos muito pensativos sobre como conseguir contribuir para as diversas pessoas que estão passando por dificuldades nesse momento. E buscamos transformar as ferramentas que a Dimona tem em mãos como uma forma de trabalhar socialmente. E foi assim que surgiu o projeto Comvida20, um projeto social que tem feito a diferença na vida de muitas pessoas.” explica Léo.

O contágio do Comvida20 é similar ao do Vírus: você não compra pra si, e sim para um amigo, o estimulando a contagiar outra pessoa também. E para estimular ainda mais o contágio, foi elaborado um mecanismo de que a cada 2 kits (camiseta + máscara) uma cesta básica é entregue.

As entregas estão sendo feitas semanalmente com o apoio dos voluntários do Comida com Amor e com a mediação do Instituto da Criança. E a campanha já conta com mais de 20 toneladas de alimentos distribuídos em comunidades como Bangu, Gramacho, providência, Caxias e até em uma Tribo indígena no Recife.

Através do instagram do @com_vida_20 é possível acompanhar esses resultados e conferir as diversas pessoas que já foram contagiadas.
O kit pode ser adquirido através do site da Dimona em www.camisadimona.com.br/comvida20

O kit pode ser adquirido através do site da Dimona em www.camisadimona.com.br/comvida20

Além do momento atual, também recordamos os grandes eventos que sempre foram muito marcantes em fases de crescimento da Dimona.

Qual foi o primeiro grande evento que a Dimona participou?

Um dos primeiros grandes eventos que a Dimona participou foi a Jornada Mundial da Juventude em 2013, onde atuou como fornecedora das camisas oficiais. A empresa operou também na loja online do evento, onde foi lançada uma opção de personalizar as camisetas colocando o nome da paróquia que os fiéis pertenciam.

“A JMJ nos possibilitou experienciar na prática que podemos nos adaptar para atender melhor o que os clientes buscam. Percebemos que naquele evento o público não estava se adaptando muito bem com a personalização online e como alternativa lançamos o disque paróquia”, conta Léo.

O Disque Paróquia era uma central de atendimento onde cada grupo podia ligar pra passar sua grade de produção (tamanhos e quantidades) e mandar produzir suas camisas personalizadas. A venda foi um sucesso e os pedidos eram enviados para todo o Brasil. E foi nesse momento que a Dimona passou a dar um foco maior para a produção on demand, que hoje em dia é um forte braço de atuação da empresa.

Um outro grande evento que a Dimona participa desde desde 2011 é o Rock In Rio. Como é estampar as camisas do maior evento musical do Rio de Janeiro?

Em 2011 a Dimona deu início a parceria com o Rock In Rio e nesse momento inaugurou-se a uma forma de produção on demand para grandes eventos. Essa produção funciona da seguinte forma, a empresa abastece o festival na medida em que ele vai acontecendo.

Tudo é feito com muito planejamento e todos os nossos funcionários já ficam preparados com antecedência para que tudo dê certo. A fábrica separa um grande estoque de camisas lisas e ao encerrar a primeira semana de evento, o pedido para a semana seguinte é imediatamente lançado, de acordo com o desempenho das vendas.

Segundo Léo, o aprendizado que fica a partir desses eventos agrega muito e deixa a Dimona com uma forte experiência pra poder participar de qualquer outro evento. “Esses eventos fazem com que a gente melhore a estrutura, melhore as condições de trabalho e melhore os insumos, para atender as exigências da melhor forma possível” explica.

Em 2016 a Dimona foi marca licenciada dos jogos olímpicos. Como foi fazer os produtos de um evento desse porte?

Em 2015, houve uma prospecção para a captação de empresas licenciadas para os jogos que ocorreriam no Brasil. A Dimona, por ser uma empresa muito dinâmica, mostrou para a comissão dos jogos olímpicos que teria condição de cuidar dessa produção e desse projeto com a velocidade exigida pelos jogos.

Assim, a empresa entrou como licenciada, fornecendo para todos os canais de venda dos produtos oficiais. Inclusive, as próprias lojas Dimona passaram a vender os produtos dos jogos. A atuação foi tão positiva que após o evento, a Dimona foi considerada um dos 3 principais cases de sucesso, sendo convidada a palestrar sobre essa ação.

“Na época criamos uma camisa pra cada esporte e foi muito emocionante ver todas essas camisas estampadas formando um painel nos jogos. Andar em um evento e ver todos vestindo a sua camisa é uma realização muito gratificante, e essa é uma sensação que os grandes eventos nos propicia”, completa Léo.

Sabemos que a partir de agora os grandes eventos serão um pouco diferentes e demorarão a voltar ocorrer. Como a Dimona está se preparar para daqui pra frente?

Segundo Léo, o que vai fazer a diferença daqui para frente é esse grande trabalho de cooperação que a empresa sempre fez. “Esse período mudou bastante a nossa forma de ver o mundo. O nosso diferencial é que estamos sempre abertos à mudança e vamos continuar assim. Quando reabrirmos seremos uma outra Dimona, atendendo um outro consumidor, com muito mais atenção, com muito mais cuidados”, completa.

O futuro é agora, e a partir desse momento o foco da Dimona está ainda maior na experiência do cliente, principalmente online! Confira algumas ações que estão sendo planejadas:

Novo site:
A equipe de comunicação e tecnologia da Dimona está trabalhando a todo vapor para lançar um novo site, reformulado, com novas experiências e produtos, oferecendo soluções online inovadoras.

Dimona E-Print:
Uma outra vertente que a Dimona está apostando muito forte é no dropshipping através do E-Print. O E-Print é um plataforma de integração que facilita a operação de lojas onlines.

Como funciona?
Você conecta seu site no E-Print e seu pedido será direcionado direto para a fábrica da Dimona, onde será produzido e entregue direto para seu cliente. Dessa forma, só será produzido o que for vendido, logo você não precisa se preocupar com estoque, produção, nem com logística de entrega.

Antes de finalizar a live, Léo deixou uma mensagem para todos os funcionários e clientes Dimona:

“Tanto nos bons momentos quanto nos difíceis, estivemos sempre firmes estampando história e eternizando cada momento.”

“Temos 231 funcionários e estamos trabalhando firme pra manter todos os postos de trabalho. Durante esse período não desligamos nenhum funcionário e temos muito orgulho disso, pois empresa familiar é como se todos fossem parte da família realmente. E somos sim uma família, a família Dimona.”

“Sabemos que nada é fácil, mas a esperança nunca pode ser perdida. Então vamos sempre seguir nossos projetos, acreditando em nosso propósito, com muito mais força, mais união e mais consciência. “

A live na íntegra pode ser assistida aqui (clique aqui para assistir). E se quiser saber mais sobre a Dimona, acesse www.dimona.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s